Todos gostaríamos que a jornada de compras fosse simples e direta. Um comprador vê seu produto anunciado em algum lugar, visita seu site e realiza a compras em apenas minutos. Ocasionalmente isso pode até acontecer. Mas é comum que ele precise trilhar muitos caminhos até realizar a venda (consumir diversos tipos de conteúdo, comparar preços, buscar reviews etc.).

Talvez o ele faça uma consulta geral no Google e veja um de seus produtos no Google AdWords . Em seguida, procura mais informações, lê o blog da sua empresa ou checa alguns comentários nas redes sociais e sites relacionados. Depois se esquece da sua empresa, mas uma semana depois vê um anúncio Facebook. Semanas ou até meses após essa descoberta inicial, ele finalmente faz um pedido.

O funil de vendas precisa de tipos de conteúdos diferentes

Existem muitos passos e etapas para o processo de compra. E o marketing de conteúdo tem impacto direto no consumidor durante essa jornada.

Simplificando, você não pode presumir que todos que encontrarem seu conteúdo estarão no mesmo ponto de sua jornada. Alguns podem estar se deparando com a sua marca ela primeira vez e, nesse momento, o que eles precisam é de alguma informação geral. Outros podem estar muito familiarizados com sua marca e prestes a tomar uma decisão de compra.

Independentemente da etapa em que estejam no funil de vendas, o que esses consumidores precisam é de algo que os persuadirá a fazer a conversão. Ao criar conteúdo, é importante pensar em que etapa ele estará na jornada de compras. Com isso, desenvolver tipos de conteúdos diferentes para cada etapa do funil.

Por isso fizemos uma lista simples dos tipos de conteúdos ideias para cada etapa do funil. Mas antes de seguirmos em frente, é preciso que você tenha em mente que esse é apenas um guia. Conforme o segmento da sua empresa e o perfil da sua persona, pode ser necessário fazer de um jeito diferente.

Topo do funil: atração

Nessa etapa é necessário criar tipos de conteúdo para atrair o público-alvo e apresentar sua marca para novos consumidores. Lembre-se, as pessoas ainda estão aprendendo e conhecendo a sua marca, seu produto e/ou serviços. Elas ainda estão prontas para se comprometer (comprar) com você.

Talvez, nesse momento elas podem nem ainda saber que precisam do que a sua empresa oferece. Elas vão encontrar a sua empresa por meio de uma pesquisa genérica, enquanto ainda estão aprendendo mais sobre o assunto. Aqui o objetivo é educá-los sobre quem você é e o que faz, desenvolvendo a visibilidade da marca.

Nesta etapa, os tipos de conteúdos mais comuns a serem trabalhados são:

  • bogposts;
  • press releases;
  • vídeos com explicações simples;
  • infográficos;
  • redes sociais;
  • eBooks introdutórios;

Meio do funil: envolvimento

Nessa etapa você vai lidar com pessoas que já conhecem a sua marca, produto e serviço e já sentem interesse em adquiri-lo. Nessa etapa elas estão tentando se decidindo se devem adquirir o produto/serviço que a sua empresa oferece, bem como avaliando a sua empresa e a concorrência. Nessa etapa você deve produzir conteúdos mais especializados e que façam com que esse consumidor perceba que vocês são os melhores no que fazem.

Confira alguns tipos de conteúdos ideias para o meio de funil:

  • boletins informativos;
  • white papers;
  • retargeting;
  • material rico (ebooks, kits, ferramentas; templates etc.).

Fundo do funil: decisão

Por fim, é vital ter um conteúdo projetado para informar e influenciar o potencial cliente no momento de decisão — e assim levá-lo à conversão. Aqui, estabelecer confiança, falar diretamente e apresentar o valor do seu produto e empresa são fundamentais.

Os tipos de conteúdo recomendados para essa etapa são:

  • webinars;
  • testes gratuitos;
  • depoimentos;
  • apresentações de vendas diretas e pessoais;
  • ofertas e descontos;
  • cases de sucesso.

Como vimos, o marketing de conteúdo deve ser mapeado e sincronizado com a jornada de compras. Devem ser usados diferentes tipos de conteúdo para as diversas etapas do funil.

Tem alguma dúvida ou experiência para compartilhar? Comente!

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *